OMC retira subsídios a exportações de bens agrícolas

Durante a 10ª Conferência Ministerial da OMC foram proibidos imediatamente os subsídios à exportação de produtos agrícolas por países desenvolvidos.

OMC retira subsídios a exportações de bens agrícolas

Divulgação

Durante a 10ª Conferência Ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC), realizada em Nairobi, no Quênia, o Brasil conquistou uma vitória para o comércio de seus produtos agrícolas. Durante o encontro, foram proibidos imediatamente os subsídios à exportação de produtos agrícolas por países desenvolvidos.

A medida deve melhorar a competitividade dos países exportadores e diminuir as distorções do comércio internacional.

Em três anos, também haverá a proibição desse tipo de favorecimento para os países em desenvolvimento. A partir de agora, o financiamento de exportações com apoio oficial ficará limitado ao prazo de um ano e meio, com o objetivo de evitar distorcê-las por meio de crédito subsidiado.

Em nota, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) disse que a medida é extremamente positivo para o agronegócio brasileiro. A ministra Kátia Abreu também comentou a decisão. “Ótima conquista para nosso agronegócio. Condições de competição internacional menos distorcidas para nossos produtos”.

Ainda de acordo com o Mapa, a Conferência realizada pela OMC garante a competição internacional dos produtos brasileiros em condições mais justas e equitativas.

InfoMoney

Outras Notícias

PUBLICIDADE