OCDE: 76% dos jovens brasileiros de 20 a 24 anos não estudam

OCDE: 76% dos jovens brasileiros de 20 a 24 anos não estudam

Foto: Fernando Moraes/Folhapress

Um estudo divulgado nesta terça-feira (23) pela OCDE (Cooperação e Desenvolvimento Econômico) aponta que 76% dos jovens brasileiros de 20 a 24 anos não estudam. Esse é o maior número entre os mais de 40 países estudados. A média dos países da OCDE para a mesma faixa etária é de 54% dos jovens fora da escola.

Segundo os dados do "Education at a Glance 2015", o país com a maior proporção é a Eslovênia, onde quase 70% dos jovens entre 20 e 24 estudam.  A Dinamarca tem o segundo melhor resultado, com 61% dos jovens frequentando a escola. 

O estudo também aponta que, nessa faixa etária, 52% dos jovens brasileiros estão empregados, também a maior proporção entre os países estudados. Na média da OCDE, 36% dos jovens trabalham.

Entre 15 a 29 anos, mais de 20% dos brasileiros nem estudam nem trabalham, a média OCDE é de 16%.

Lanterna também no ensino médio

No Brasil, quase 40% dos jovens e adultos de 25 a 34 anos não concluíram o ensino médio. O país está entre os últimos nesse item, ao lado de China, Indonésia, México, Turquia e Costa Rica. Entre os adultos 55 a 64 anos, 72% não têm o diploma do ensino médio.

Também é baixo o número de brasileiros entre 25 e 34 anos que concluíram o ensino superior: apenas 15%. Entre os indivíduos de 55 a 64 anos, a proporção cai para 11%.

A pesquisa da OCDE está dividida em quatro eixos: escolarização, investimento, participação na educação e ambiente escolar. Os dados sobre educação se referem ao ano de 2013 (para alguns países da OCDE, 2014) e os dados financeiros são relativos a 2012.

UOL

Outras Notícias

PUBLICIDADE