Hamilton torna-se segundo maior vencedor da Fórmula-1 após vitória no Brasil

Hamilton torna-se segundo maior vencedor da Fórmula-1 após vitória no Brasil

Hamilton (44) (Foto: VANDERLEI ALMEIDA / AFP)

O triunfo no GP do Brasil, no último domingo, manteve Lewis Hamilton vivo na briga pelo título do Mundial de Pilotos de 2016 da Fórmula-1. Mais do que isso, significou muito para o inglês na sua carreira. Foi a primeira vitória do piloto da Mercedes em Interlagos, após 10 corridas dele em São Paulo – resultado que o deixou isolado como segundo maior vencedor da história da categoria.

Com o primeiro lugar na corrida brasileira, Hamilton chegou a 52 vitórias na F-1. Ele superou Alain Prost, com 51, e fica atrás apenas de Michael Schumacher, dono de inacreditáveis 91 vitórias. O inglês tem a companhia de Sebastian Vettel, entre os pilotos ainda em atividade, no top-5: o alemão da Ferrari tem 42 triunfos e é o quarto colocado, à frente de Ayrton Senna, com 41.

Hamilton também recebeu a bandeirada na frente no 24º circuito diferente na carreira, um recorde. Dentre as pistas atuais da categoria, ele não venceu apenas em Baku, sede do GP da Europa, que estreou no Mundial neste ano. O antigo recordista era Michael Schumacher, que venceu em 23 circuitos. Vettel, terceiro colocado histórico, chegou em primeiro em 21 autódromos diferentes.

*ZHESPORTES

Diário Catarinense 

Outras Notícias

PUBLICIDADE