Ronaldinho Gaúcho deixa o Fluminense

Clube anuncia rompimento de contrato em comum acordo com jogador

Ronaldinho Gaúcho deixa o Fluminense

Foto: Divulgação/Reprodução Internet

O casamento de Ronaldinho Gaúcho com o Fluminense durou bem menos do que o previsto. Nesta segunda-feira à noite o clube anunciou, por meio de nota, a rescisão do contrato, que tinha duração até o fim de 2016. Segundo o texto, a decisão foi de comum acordo, amigável.

“O Fluminense vem a público comunicar o rompimento do contrato com o atleta Ronaldinho Gaúcho de forma amigável e em comum acordo entre as partes. Desde o primeiro contato com os dirigentes, o atleta e seu representante trataram o clube com profissionalismo e respeito”, informou o Fluminense.

Ronaldinho já não tinha ido ao treino nesta segunda. Sem explicar o motivo, o jogador alegou motivos particulares e pediu dispensa da atividade.

No sábado, na vitória sobre o Goiás por 2 a 0, no Maracanã, Ronaldinho começou como titular, mas teve atuação apagada e foi vaiado pela torcida. Ele foi substituído no intervalo.

Apesar de o clube assinalar que “a contratação correspondeu às expectativas em relação ao retorno de marketing, aumentando arrecadação com bilheteria, venda de camisas e número de sócios”, Ronaldinho ficou devendo. Em sete partidas pelo Fluminense no Brasileiro, não balançou a rede nem deu passe para gol.

Menos de três meses nas Laranjeiras

Ronaldinho assinou com o tricolor em 11 de julho. Ele chegou ao Fluminense depois de uma disputa com o Vasco, que dava como certa sua contratação. O presidente Eurico Miranda chegou a dizer que estava 90% fechado com ele.

- Uma das coisas que mais me motivaram a voltar ao Brasil é ir atrás de um título que ainda não tenho (o de campeão brasileiro), e também por se tratar de um clube que tem grandes jogadores. É um projeto muito legal, e estou muito feliz por poder me juntar a esses grandes jogadores - declarou Ronaldinho, que tinha deixado o Querétaro, do México, onde não era aproveitado, na ocasião da assinatura do contrato.

Esse foi o período mais curto de Ronaldinho num clube. Quando ele foi contratado o Fluminense estava em segundo lugar na Série A. O jogador sai com o clube na 12ª posição. Enquanto ele esteve nas Laranjeiras o time teve quatro vitórias, quatro derrotas e um empate em nove partidas.

A íntegra da nota do Fluminense

"O Fluminense vem a público comunicar o rompimento do contrato com o atleta Ronaldinho Gaúcho de forma amigável e em comum acordo entre as partes.

Desde o primeiro contato com os dirigentes, o atleta e seu representante trataram o clube com profissionalismo e respeito. Mesma atitude positiva demonstrada nas atividades de rotina.

Fluminense e Ronaldinho seguem com os laços mantidos e planejam trabalhar em outros projetos no futuro.

Cabe ressaltar que a contratação correspondeu às expectativas em relação ao retorno de marketing, aumentando arrecadação com bilheteria, venda de camisas e número de sócios.

A opção de Ronaldinho também mostrou ao Brasil que o Fluminense desperta o interesse dos maiores jogadores do futebol mundial.

O Fluminense agradece a Ronaldinho e deseja sorte ao atleta em sua caminhada."

O Globo

Outras Notícias

PUBLICIDADE