Aposentados que ganham acima de um salário mínimo terão reajuste de 11,28%

Aposentados que ganham acima de um salário mínimo terão reajuste de 11,28%

Marcelo Oliveira / Agencia RBS

Os benefícios de aposentados e pensionistas do INSS com valor acima de um salário mínimo (R$ 880) serão reajustados em 11,28% em 2016. A informação foi confirmada por meio de portaria dos ministérios da Fazenda e da Previdência Social publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira.

O valor refere-se à variação do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de 2015, divulgado na sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O indicador serve de referência para a correção de benefícios previdenciários.

Com o reajuste, o teto da Previdência Social para 2016 fica em R$ 5.189,82. No último ano, a correção dos benefícios havia sido de 6,23%.

Os rendimentos acima de um salário mínimo não sofreram reajuste real em 2016 — acima do INPC de 2015. Já para quem ganha o benefício equivalente ao mínimo, a correção foi de 11,6%, que é o percentual de aumento do salário neste ano (R$ 880).

A portaria desta segunda-feira também apresenta as novas faixas de salários de trabalhadores domésticos para definição da alíquota de contribuição ao INSS. Para quem recebe até R$ 1.556,94, a alíquota é de 8%. Para os trabalhadores que ganham entre 1.556,95 e R$ 2.594,92, a taxa é de 9%. Já para aqueles com rendimentos entre R$ 2.594,93 e R$ 5.189,82, o índice é de 11%.

Diário Catarinense

Outras Notícias

PUBLICIDADE