Com nova proposta, comando nacional orienta para fim da greve dos bancários

Assembleias serão realizadas nesta segunda em todos os estados para deliberar sobre decisão.

Com nova proposta, comando nacional orienta para fim da greve dos bancários

Foto: Guto Kuerten / Agencia RBS

A greve dos bancários pode estar perto do fim. No sábado, a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) ofereceu um acréscimo para a proposta feita na sexta-feira. Além dos reajustes de 10% no salário e 14% nos vales refeições, a nova proposta também retirou o pedido de compensação total das horas não trabalhadas nas quase três semanas de greve.

Os banqueiros aceitaram abonar 63% das horas dos funcionários com jornada de 6 horas e 72% para os que têm jornada de 8 horas. Isso significa que os trabalhadores compensariam apenas uma hora por dia até a segunda semana de dezembro.

Com a proposta, que tem prazo máximo nesta segunda-feira, a Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) e o Comando Nacional de Greve da categoria convocaram nossas assembleias que serão realizadas na segunda-feira em todos os estados. A orientação nacional é de que a nova proposta seja aceita e a greve seja finalizada ainda na próxima semana.

— A proposta apresentada representa mais um ano em que os bancários conseguirão garantir seu poder de compra — comemora a vice-presidente do Contraf-CUT e coordenadora do Comando de Greve, Juvandia Moreira.

Mas, em nota o presidente do Sindicato dos Empregados de Empresas Bancárias de Blumenau e Região, Leandro Spezia, afirmou que a nova proposta não corrige os salários e fica apenas 0,12% acima da inflação no período:

— A verdade é que ganho real, efetivamente, não houve, tendo sido este o pior acordo já orientado para ser aprovado nas assembleias, inclusive com a divisão do Comando Nacional na avaliação.

A assembleia do sindicato de Florianópolis e região acontecerá no Auditório da Igreja Livre em Jesus, às 17h. A de Blumenau ocorre às 9h no auditório do Sindicato dos Trabalhadores Têxtis, e a de Joinville será realizada na sede do sindicato às 17h e a de Chapecó no auditório do sindicato às 16h30min. A assembleia de Criciúma começa às 15h no Sindicato dos Químicos da cidade.

Diário Catarinense

Outras Notícias

PUBLICIDADE