CPI aprova quebra de sigilos de Ricardo Teixeira, Marin e Del Nero

CPI aprova quebra de sigilos de Ricardo Teixeira, Marin e Del Nero

Foto: Rafael Ribeiro / CBF

Depois de dois adiamentos, a CPI do Futebol conseguiu se reunir nesta terça-feira. E a sessão serviu para aprovação de requerimentos para quebra de sigilos dos cartolas que estão ou estiveram à frente da CBF. 

O atual presidente, Marco Polo Del nero, teve os sigilos telefônico e telemático (mensagens eletrônicas) quebrados. O mesmo valeu para José Maria Marin, que está preso em Nova York, antecessor de Del Nero.

Já Ricardo Teixeira, cujo mandato durou de 1989 a 2012, teve quebrados os sigilos bancário e fiscal no período entre 1 de janeiro de 2007 e 12 de março de 2012.

O Comitê Organizador Local (COL) da Copa-2014 também foi alvo, com direito a quebra de sigilos fiscal e bancário. Um dos requerimentos aprovados ainda exige que o COL apresente os demonstrativos financeiros e lucros com o Mundial.

Itens anteriormente na pauta, como as quebras de sigilo de Carolina Galan - ex- de Del Nero -, Kleber Leite e a Klefer, foram retirados. 

*LANCEPRESS 

Diário Catarinense 

Outras Notícias

PUBLICIDADE