Pré-sal alcança 1 milhão de barris de óleo e gás por dia

Pré-sal alcança 1 milhão de barris de óleo e gás por dia

Foto: Divulgação

A produção do pré-sal, no mês de julho, alcançou a marca de 812,1 mil barris por dia de petróleo e 30,5 milhões de metros cúbicos por dia de gás natural, o que totaliza pouco mais de um milhão de barris de óleo equivalente (boe) diários. As informações foram divulgadas nesta terça-feira (1º) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP). Segundo a agência reguladora, a produção é oriunda de 54 poços do pré-sal e representa um aumento de 8,4% em relação ao mês anterior.

Com esse resultado, a produção total de petróleo e gás natural no Brasil no mês de julho alcançou aproximadamente 3,066 milhões de barris de óleo equivalente (boe) por dia. Esses dados superiores levam em conta outras formas de extração de óleo e gás e não apenas o pré-sal. Desse total, são 2,466 milhões de barris diários de petróleo e 95,3 milhões de metros cúbicos de gás natural.

Houve aumento de 8,8% na produção de petróleo se comparada com o mesmo mês em 2014 e de 2,9% na comparação com o mês anterior. A produção de gás natural também aumentou 8,5% comparada a julho de 2014 e reduziu 0,2% em comparação ao mês anterior.

Já o aproveitamento do gás natural no mês foi de 95,8%. A queima de gás natural em junho foi de 4 milhões de metros cúbicos por dia, um aumento de aproximadamente 10,3% em relação ao mês anterior e redução de 11,3% em relação a julho de 2014.

Campos produtores

Cerca de 92,5% da produção de petróleo e gás natural foi proveniente de campos operados pela Petrobras. Aproximadamente 93,5% da produção de petróleo e 76% da produção de gás natural do Brasil foram extraídos de campos marítimos.

O campo de Roncador, na bacia de Campos, foi o de maior produção de petróleo, com uma média de 371,3 mil barris por dia, e o campo de Lula, na bacia de Santos, foi o maior produtor de gás natural, com uma produção média de 14,3 milhões de metros cúbicos por dia.

Fonte:  Agência Nacional do Petróleo, com informações da Agência Brasil

Outras Notícias

PUBLICIDADE