Anvisa aprova primeira vacina contra a dengue

Medicamento pode ser usado por pessoas de 9 a 45 anos. Ainda não há previsão de chegada ao mercado

Anvisa aprova primeira vacina contra a dengue

Divulgação / Internet

O Brasil é o terceiro país a aprovar o uso da vacina, após o México e as Filipinas. A liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária para comercialização do medicamento foi publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira.  A  vacina é produzida em uma fábrica em Lyon, na França, com capacidade de desenvolver 100 milhões de doses por ano. As áreas endêmicas terão prioridade. Segundo a rádio CBN, como o Brasil foi um dos primeiros a aprovar a vacina, provavelmente estará na frente.

O medicamento apresenta um índice de proteção de cerca de 66%. O grupo brasileiro teve uma resposta maior aos testes, mas a média foi influenciada por um grupo da Tailândia que não reagiu bem ao antídoto. Nas pesquisas, constatou-se que a vacina preveniu a hospitalização em 80% dos casos e diminuiu em 93% a ocorrência da dengue hemorrágica. O Brasil registrou mais de 1,5 milhão de casos de dengue até o final de novembro, com mais de 800 mortes.

Estado de Minas

Outras Notícias

PUBLICIDADE