Chimarrão muito quente provavelmente é uma das causas de câncer de esôfago

De acordo com a Organização Mundial da Saúde, bebidas com pelo menos 70ºC demonstram risco para desenvolver a doença.

Chimarrão muito quente provavelmente é uma das causas de câncer de esôfago

Foto: Jonas Ramos / Agencia RBS

As bebidas muito quentes são causa provável de câncer de esôfago, anunciou nesta quarta-feira a agência especializada em pesquisas de câncer da Organização Mundial da Saúde (OMS), que fez questão de explicar que a temperaturas "normais" o café e o mate não têm efeito cancerígeno.

– O consumo de bebidas muito quentes é uma causa provável de câncer de esôfago e é a temperatura, não a bebida em si, que parece ser a causa – disse Christopher Wild, diretor da Agência Internacional para a Pesquisa sobre Câncer (IARC, na sigla em inglês), ao apresentar o estudo realizado por um comitê de 23 especialistas.

As bebidas "muito quentes" são aquelas consumidas a temperaturas superiores a 65ºC, segundo a IARC.

Estudos realizados na China, Irã e Turquia, e no caso do mate na Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai, onde as infusões geralmente são ingeridas a pelo menos 70ºC, demonstraram que o risco de câncer aumenta com a temperatura da bebida, destaca a agência da OMS.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), no Brasil, o câncer de esôfago é o sexto mais frequente entre homens e o 13º entre as mulheres. Segundo o órgão, a estimativa é de que o país registre mais de 10 mil novos casos da doença em 2016. No último levantamento feito pelo Inca, 7.930 pessoas morreram devido ao câncer de esôfago em 2013.

Com informações da AFP.

Jornal de Santa Catarina 

Outras Notícias

PUBLICIDADE